Relatos da Páscoa Missionária vivida com a juventude no Rio Madeira, região Amazônica

Relatos da Páscoa Missionária vivida com a juventude no Rio Madeira, região Amazônica

    Escrever para não esquecer e trazer de novo ao coração experiências de vida em plenitude...

Pastoral do Menor da Paraíba reitera sua posição contra a redução da maioridade penal

Pastoral do Menor da Paraíba reitera sua posição contra a redução da maioridade penal

A Pastoral do Menor da Arquidiocese da Paraíba deseja a tod@s vocês uma Feliz Páscoa, de maneira...

Nigéria: Boko Haram matou mais de 7.300 pessoas desde 2014

Nigéria: Boko Haram matou mais de 7.300 pessoas desde 2014

   Mais de 7.300 mil civis foram mortos pelas milícias Boko Haram desde que começaram as suas...

215 milhões de crianças a trabalhar

Cerca de 215 milhões de crianças continuam a trabalhar para sobreviver estando mais da metade expostas às piores formas do fenómeno, indica a «Organização Internacional do Trabalho» (OIT).

A agência pediu na segunda-feira, 11 de junho, o reforço de sistemas judiciais e das instituições de aplicação da lei para o combate ao trabalho infantil.

De acordo com a OIT, ainda ocorre uma grande disparidade entre a ratificação das Convenções sobre trabalho infantil e as ações dos governos para enfrentar o flagelo, incluindo a escravatura e o conflito armado.

Num relatório sobre o «10º Dia Mundial Contra o Trabalho Infantil», comemorado neste 12 de Junho, a OIT disse não haver espaço para complacência.

A organização também pede que sejam reforçados programas de proteção infantil. Os mais vulneráreis são crianças de zonas rurais, em áreas agrícolas ou filhos de trabalhadores migrantes e indígenas.

Fonte: Alem-Mar

Powered by Bullraider.com